26 de janeiro de 2009

não é carne nem peixe #8 - stephanie toth

Entrevista com Stephanie Toth, por Felipe Gutierrez.

stephanie toth

Qual foi o seu disco preferido de 2008?

Se o Conor Oberst and the Mystic Valley Band não tivesse sido lançado, eu diria Fleet Foxes.

Li uma reportagem na qual estava escrito que você "nunca gostou muito do Brasil". Não quero ser chatinho nacionalista, mas não há nada na música brasileira que você goste?

Sim, há. Gosto de Mombojó, Los Hermanos - além de Homiepie e Holger, claro.

Você acha que os jornalistas e críticos te tratam com uma certa condescendência por causa da sua idade? E o público?

Cansei de ouvir falar da minha idade. Não deveriam, mas se quiserem ser condescendentes, que sejam.

Hot Chip ou Elliott Smith?

Wow. Elliott Smith! Não acredito que você me fez essa pergunta. Haha.

2 comentários:

Anônimo disse...

Em infelizes coincidencias, sempre me cruzo com essa menina sendo entrevistada. E ela é extremamente arrogante, sempre. Argh, que nojo.

Pedro Beck disse...

Comentário acima deprimente. Entrevista idem. "Hot Chip ou Elliott Smith?" Que tipo de pergunta é esta?